Domingo, 19 de janeiro de 2020
» Busca interna
» Busca no Google
» Órgãos federais
» Governo federal
» Senado
» Câmara
» STF
» TSE
» STJ
» TCU
» Estados
» Alagoas
» Bahia
» Ceará
» Maranhão
» Paraíba
» Pernambuco
» Piauí
» Rio Grande do Norte
» Sergipe
» Políticos
Escolha o Partido
» Notícias via email
» Jornais online
» Últimas Notícias
BOLSA FAMÍLIA – Aumento real anunciado pelo governo para 2018 vai beneficiar quase 7 milhões de famílias do Nordeste
07/12/2017 - 16:56h - Gil Maranhão
17/11/2017 - 16:40h - Gil Maranhão
( Publicada originalmente às 16h 13 do do 14/11/2017)
(Brasília-DF, 16/11/2017) O aumento real que o governo federal anunciou esta semana que dará no benefício do programa Bolsa Família em 2018 vai contemplar 6,8 milhões de famílias no Nordeste – que movimentaram R$ 1,2 bilhões, na economia brasileira, com base no quadro de pagamentos feitos a municípios e estados em setembro deste ano.

Este é o segundo anúncio de reajuste no valor do Bolsa Família feito pelo governo Michel Temer. O primeiro foi de 12,5%, em agosto do ano passado, após a consolidação do impeachment de Dilma Rousseff. O programa passou dois anos sem reajustes no governo Dilma, numa inflação de 10%.

Reajuste: acima da inflação

A previsão do governo Temer é reajustar o valor do programa social acima da inflação. De acordo com o Boletim Focus do banco Central (BC), a inflação medida pelo Índice de preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve fechar 2017 em 3,2% - e chegar a 4,3% em 2018.

A expectativa é que o reajuste seja em torno de 3,5%. Contudo, o percentual ainda está em discussão e será definido pela equipe da área econômica do governo.

O orçamento do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) para o programa Bolsa Família este ano foi de 29,3 bilhões. Para 2018, a proposta enviada apelo governo ao Congresso Nacional e a ser analisadas pela Comissão Mista do Orçamento (CMO) é de 28,2 bilhões.

"Teve um anúncio de orçamento em 31 de agosto que foi feito sem a nova meta fiscal e sem ter visão clara de como ficaria a receita. Depois melhorou. Acredito que vamos ter orçamento maior do que ano passado", disse, otimista, o ministro Osmar Terra em conversa com jornalistas esta semana.

Nordeste: 6,8 milhões de famílias

Das 13.417.669 famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família no Brasil, quase a metade estão no Nordeste.

A região é que tem o maior número de famílias inscritas no programa no País: 6.828.787 famílias. Isso significa mais de 20,4 milhões de pessoas atendidas, uma vez que que o Ministério do Desenvolvimento Social multiplica a média de pessoas por família em 3,4.

Em setembro, o total de pagamento feito pelo governo aos municípios estados da região ultrapassou a casa de 1 bilhão. O total foi de R$ 1.266.761.601,00. Seguindo essa média de pagamento, o governo federal já repassou até setembro cerca de 11 bilhões. Até o final de 2017 o governo terá pago aos municípios e estados, via este programa social, mais de R$ 14,4 bilhões.

Os estados da Bahia, Pernambuco e Ceará tem, respectivamente o maior número de famílias contempladas – todas na casa de 1 milhão.

Sergipe tem o menor número de famílias beneficiadas pelo programa social na região Nordeste: 270 mil 781.

Famílias e Valor

A Agência Política Real publica, a seguir, quadro com o número de famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família em cada um dos 09 estados do Nordeste; o valor repassado em setembro (último levantamento do MDS) para cada estado e a média do valor do benefício por família:



NORDESTE

AL

393.978

73.314.043,00

186,09

BA

1.790.188

322.233.939,00

180,00

CE

1.012.653

181.178.481,00

178,91

MA

962.903

200.585.223,00

208,31

PB

501.105

97.508.842,00

194,59

PE

1.121.854

198.182.595,00

176,66

PI

437.533

88.976.850,00

203,36

RN

337.792

59.668.772,00

176,64

SE

270.781

45.112.856,00

166,60

NORDESTE

6.828.787

1.266.761.601,00

185,50



(Por Gil Maranhão. Agência Política Real – com informações do MDS. Edição: Genésio Jr.)
Mais Notícias
27/11 | 19:42h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Átila Lira pede que General Ramos libere os restos a pagar das emendas parlamentares; Bosco Costa quer saber qual o projeto do governo Bolsonaro para revitalizar o São Francisco

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado Átila Lira (PP-PI) pediu nesta quarta-feira, 27, que o ministro General Luiz Eduardo Ramos – responsável pela articulação política do gove...
27/11 | 19:41h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: José Rocha pede que General Ramos apoie iniciativa que retira risco de crédito às instituições bancárias e educacionais nos contratos do Fies

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado José Rocha (PL-BA) pediu nesta quarta-feira, 27, que o ministro responsável pela articulação política do governo do presidente Jair Bolson...
27/11 | 17:05h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Após Gildenemyr pedir maior atenção aos deputados bolsonaristas, ministro General Ramos afirma que não se pode tratar a oposição apenas a "pão e água"

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado Gildenemyr (PL-MA) reclamou nesta quarta-feira, 27, com o ministro responsável pela articulação política do governo Bolsonaro, General Lui...
27/11 | 15:48h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Major Vítor Hugo pede que General Ramos priorize atendimento aos parlamentares nordestinos que apoiam Bolsonaro, apesar da oposição que os governadores da região fazem ao governo federal

(Brasília-DF, 27/11/2019) O líder do governo na Câmara, deputado Major Vítor Hugo (PSL-GO), pediu nesta quarta-feira, 27, ao ministro General Luiz Eduardo Ramos – responsável ...
27/11 | 15:37h -
BANCADA DO NORDESTE: Júlio César pede esclarecimentos da Caixa sobre queda nos investimentos voltados ao Nordeste; em resposta, vice-presidente financeiro disse que não houve queda, mas mudança na metodologia

(Brasília-DF, 16/10/2019) O deputado Júlio César (PSD-PI), coordenador da Bancada do Nordeste, pediu nesta quarta-feira, 16 que a Caixa Econômica Federal (CEF) esclarecesse al...
17/10 | 14:56h - Humberto Azevedo
BANCADA DO NORDESTE: Deputados nordestinos focam na questão habitacional; Damião Feliciano quer saber sobre mudanças no MCMV, enquanto Rejane Dias pede mais apoio a construção civil

( Publicada originalmente às 21h 46 do dia 16/10/2019) (Brasília-DF, 17/10/2019) O deputado Damião Feliciano (PDT-PB) pediu nesta quarta-feira, 16, ao presidente d...
» Áudio
ID:
Senha:

Apóiam essa idéia:
Bancada do Nordeste 2005 - Política Real - Todos os direitos reservados
Contato: redacao@bancadadonordeste.com.br