Domingo, 19 de janeiro de 2020
» Busca interna
» Busca no Google
» Órgãos federais
» Governo federal
» Senado
» Câmara
» STF
» TSE
» STJ
» TCU
» Estados
» Alagoas
» Bahia
» Ceará
» Maranhão
» Paraíba
» Pernambuco
» Piauí
» Rio Grande do Norte
» Sergipe
» Políticos
Escolha o Partido
» Notícias via email
» Jornais online
» Últimas Notícias
Bancada do Nordeste discute com Eunício Oliveira mais compensações nas dívidas rurais no Nordeste
21/06/2017 - 16:28h - Bruna Pedroso.Edição: Genésio
(Brasília-DF, 14/06/2017) O presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (PMDB-CE), esteve reunido na tarde desta quarta-feira ,14, com representantes de federações de agricultura e pecuária e com a bancada representante do setor, assim como a coordenação da Bancada do Nordeste, na Câmara dos Deputados para discutir a renegociação de dívidas feitas entre 2012 e 2017.

Por conta da instabilidade climática e da crise hídrica, acontece a diminuição da produção e o aumento das dívidas dos produtores. A mobilização de Eunício com as federações e a Bancada do Nordeste busca um entendimento dessa questão tão sensível que é a renegociação dos débitos.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará, Flávio Saboya, elogiou Eunício por propor a discussão do tema e por se mostrar sensível a buscar um entendimento entre agricultores e o governo.

"O presidente nos deu total apoio e disse que levará a proposta adiante para buscar uma resolução", declarou Saboya.

O coordenador da Bancada do Nordeste, Júlio Cesar (PSD-PI) explicou a importância da reunião.

"No Nordeste, a cada 10 anos, nós convivemos com uma instabilidade climática. Ora diminui a produção e produtividade, ora perdemos a totalidade da safra. Quando perdemos, não há como pagar. Então, nós fomos pedir apoio, para que possa ser editada uma Medida Provisória para poder prorrogar os débitos dos agricultores nordestinos de 2012 até 2017", disse o deputado piauiense.

O líder do Democratas na Câmara dos Deputados, deputado Efraim Filho(PB, entende que ss dívidas ficaram impagáveis com as secas.

“Depois de anos consecutivos de seca, as dívidas tornaram-se impagáveis. Há casos em que agricultores com débitos executados tiveram que vender seu patrimônio para saldar a dívida. Essa renegociação é uma tentativa de recuperar a viabilidade econômica da principal atividade desenvolvida nas áreas rurais”, afirmou Efraim.
PIB, DÍVIDAS E O CLIMA

Como foi divulgado pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica (IPEA) do Ceará, o Produto Interno Bruto (PIB) do estado caiu 3,45% em 2015. A queda da produção é reflexo das adversidades climáticas, que maltrata o Nordeste há anos e acarreta o endividamento rural, apesar das tentativas de renegociar dívidas. Segundo Saboya, o setor agropecuário, que teve queda de 8,02%, sempre foi o setor que menos participou do PIB.

Participaram da reunião o presidente da Federação da Agricultura da Paraíba e também Vice Presidente da Confederação Nacional da Agricultira e Pecuária(CNA), Mário Antônio Borba; os senadores Fernando Bezerra (PSB-PE), Benedito de Lira (PP-AL), José Agripino(DEM-RN) e Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), além dos deputados federais, André Amaral (PMDB-PB) e Efraim Filho (DEM-PB).

( da redação com texto de Bruna Pedroso. Edição: Genésio Araújo Jr)
Mais Notícias
27/11 | 19:42h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Átila Lira pede que General Ramos libere os restos a pagar das emendas parlamentares; Bosco Costa quer saber qual o projeto do governo Bolsonaro para revitalizar o São Francisco

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado Átila Lira (PP-PI) pediu nesta quarta-feira, 27, que o ministro General Luiz Eduardo Ramos – responsável pela articulação política do gove...
27/11 | 19:41h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: José Rocha pede que General Ramos apoie iniciativa que retira risco de crédito às instituições bancárias e educacionais nos contratos do Fies

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado José Rocha (PL-BA) pediu nesta quarta-feira, 27, que o ministro responsável pela articulação política do governo do presidente Jair Bolson...
27/11 | 17:05h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Após Gildenemyr pedir maior atenção aos deputados bolsonaristas, ministro General Ramos afirma que não se pode tratar a oposição apenas a "pão e água"

(Brasília-DF, 27/11/2019) O deputado Gildenemyr (PL-MA) reclamou nesta quarta-feira, 27, com o ministro responsável pela articulação política do governo Bolsonaro, General Lui...
27/11 | 15:48h - Humberto Azevedo e GAJ
BANCADA DO NORDESTE: Major Vítor Hugo pede que General Ramos priorize atendimento aos parlamentares nordestinos que apoiam Bolsonaro, apesar da oposição que os governadores da região fazem ao governo federal

(Brasília-DF, 27/11/2019) O líder do governo na Câmara, deputado Major Vítor Hugo (PSL-GO), pediu nesta quarta-feira, 27, ao ministro General Luiz Eduardo Ramos – responsável ...
27/11 | 15:37h -
BANCADA DO NORDESTE: Júlio César pede esclarecimentos da Caixa sobre queda nos investimentos voltados ao Nordeste; em resposta, vice-presidente financeiro disse que não houve queda, mas mudança na metodologia

(Brasília-DF, 16/10/2019) O deputado Júlio César (PSD-PI), coordenador da Bancada do Nordeste, pediu nesta quarta-feira, 16 que a Caixa Econômica Federal (CEF) esclarecesse al...
17/10 | 14:56h - Humberto Azevedo
BANCADA DO NORDESTE: Deputados nordestinos focam na questão habitacional; Damião Feliciano quer saber sobre mudanças no MCMV, enquanto Rejane Dias pede mais apoio a construção civil

( Publicada originalmente às 21h 46 do dia 16/10/2019) (Brasília-DF, 17/10/2019) O deputado Damião Feliciano (PDT-PB) pediu nesta quarta-feira, 16, ao presidente d...
» Áudio
ID:
Senha:

Apóiam essa idéia:
Bancada do Nordeste 2005 - Política Real - Todos os direitos reservados
Contato: redacao@bancadadonordeste.com.br