Sexta-feira, 19 de janeiro de 2018
» Busca interna
» Busca no Google
» Órgãos federais
» Governo federal
» Senado
» Câmara
» STF
» TSE
» STJ
» TCU
» Estados
» Alagoas
» Bahia
» Ceará
» Maranhão
» Paraíba
» Pernambuco
» Piauí
» Rio Grande do Norte
» Sergipe
» Políticos
Escolha o Partido
» Notícias via email
» Jornais online
» Últimas Notícias
Nordestinos lamentam perdas e relembra lutas de Pedro Eugênio e Manoel dos Santos, duas expressivas lideranças políticas de PE
22/04/2015 - 23:13h - Gil Maranhão
(Brasília-DF, 22/04/2015) Deputados da região Nordeste lamentaram nesta quarta-feira, no Plenário da Câmara Federal a perda, esta semana, de duas expressivas lideranças políticas do Estado de Pernambuco, ambas do PT: o ex-deputado federal Pedro Eugênio, que foi coordenador da Bancada Parlamentar do Nordeste no Congresso Nacional, e o deputado estadual Manoel dos Santos, que foi por vários anos presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), em Brasília-DF.

Na abertura da Ordem do Dia, desta quarta-feira, 22, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pediu “um minuto de silêncio”, fazendo referência à atuação parlamentar de Eugênio.

Manoel dos Santos (também conhecido como Manoel de Serra) – que foi ajudou a criar e presidiu a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Pernambuco (Fetape), morreu no domingo (19), vítima de complicações em virtude de um câncer no esôfago, enquanto Pedro Eugênio, que foi deputado federal por três mandatos e coordenou a Bancada do Nordeste entre 2013 e 2014, faleceu na segunda-feira (20), face complicações cardíacas.

Sindicalismo rural

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE), destacou no Plenário da Câmara que foram políticos de origem diferentes. “Manoel é cria do sindicalismo rural, da tendência sertaneja forjada na luta em parceria com a Igreja, pelas mãos do bispo Dom Francisco Mesquita, que tinha fama de comunista”, disse Patriota.

Ele lembrou que do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Serra Talhada (PE), que presidiu, Manoel foi alçado ao comando da Fetape “revelando-se uma liderança estadual, para em seguida conquistar o cenário nacional, presidindo a Confederação Nacional dos Trabalhadores (Contag), quando liderou grandes marchas em Brasília ao lado de outros movimentos sociais, como o MST”.

“Eugênio, um ‘tecnolítico”

Para Gonzaga Patriota, Pedro Eugênio “foi um tecnolítico (mistura de técnico com político) da escola arraesista”, e que nos governos Arraes, ele assumiu as Secretarias de Agricultura, Planejamento e Fazenda, e “junto com a competente Tânia Bacelar, braço direito do ex-governador Miguel Arraes, ele se projetou no plano estadual e acabou abraçando a vida partidária, elegendo-se deputado estadual, e em seguida federal”.

Apesar de ter feito um bom mandato em Brasília, Eugênio não conseguiu emplacar a última reeleição, desta feita já filiado ao Partido dos Trabalhadores.

Gonzaga Patriota recorda que Pedro Eugênio presidiu o PT de Pernambuco “e coube a ele coordenar o tensionado e complicado processo da sucessão do ex-prefeito do Recife, João da Costa, que acabou sendo preterido na disputa pela reeleição por força de uma decisão da executiva nacional”. Também disse que Eugênio passou, ainda, por uma diretoria do Banco do Nordeste e outros cargos, “e em todos eles, entretanto, soube honrar a confiança delegada, nunca se envolvendo em nenhum tipo de maracutaia”.

“Manoel Santos e Pedro Eugênio, portanto, dignificaram a vida pública, passando à história como exemplos de honestidade, decência, ética e moralidade, atributos que deveriam ser imprescindíveis a todos os que assumem funções públicas delegadas pelo voto popular”, acentuou Gonzaga.

João Daniel – “Dois pensadores”

O deputado João Daniel (PT-SE) também se manifestou na tributa da Câmara para homenagear “dois grandes lutadores que a classe trabalhadora perdeu”.

Segundo ele “Pedro Eugênio foi um dos grandes quadros pensadores do Nordeste do Brasil. Ele fez história e foi um grande Parlamentar, dentre tantas outras atividades que exerceu”.

“O nosso querido Manoel de Serra foi um grande dirigente dos trabalhadores rurais, presidente da Contag, deputado estadual de Pernambuco, em seu segundo mandato, o qual perdemos. É uma perda para o Nordeste, para o Brasil e, em especial, para os trabalhadores do campo e também para o nosso partido, o Partido dos Trabalhadores”, acrescentou.

Coutinho – “Coragem”

O deputado federal João Fernando Coutinho (PSB-PE), também se pronunciou com relação à morte do sindicalista, destacou que “nos conforta a certeza de que sua coragem na defesa dos camponeses e trabalhadores rurais e sua luta por mais igualdade social ficarão como exemplo para as próximas gerações”.

Notas do PSDB e PSB

Vários partidos divulgaram notas sobre a morte de Manoel dos santos, entre eles o PSDB, que mesmo fazendo oposição ao PT, em texto assinado pelo presidente estadual da legenda no Estado, deputado federal Bruno Araújo (PSDB-PE), lamentou o falecimento do parlamentar e sindicalista.

- É com grande pesar que o PSDB de Pernambuco recebe a notícia do falecimento do deputado estadual Manoel Santos, um bravo defensor dos trabalhadores rurais e camponeses. Como sindicalista (...) Manoel exerceu uma militância corajosa em sua luta que, sem dúvida, deixará a lembrança de um legado respeitável e inesquecível – diz um texto da Nota.

O PSB-PE também expediu nota em que reconheceu o trabalho de Santos. “Manoel dos Santos teve destacada e reconhecida atuação em favor daqueles que mais precisam. Era um legítimo representante da classe trabalhadora, homem simples, correto, lutador incansável pelos direitos do homem do campo. É uma grande perda para a política de Pernambuco e do Brasil”, cita um trecho da nota, assinada pelo presidente da legenda, Sileno Guedes.

(Por Gil Maranhão, para Agência Política Real, edição de Genésio Jr.)
Mais Notícias
22/04 | 23:13h - Gil Maranhão
Nordestinos lamentam perdas e relembra lutas de Pedro Eugênio e Manoel dos Santos, duas expressivas lideranças políticas de PE

(Brasília-DF, 22/04/2015) Deputados da região Nordeste lamentaram nesta quarta-feira, no Plenário da Câmara Federal a perda, esta semana, de duas expressivas lideranças políti...
15/04 | 17:20h - Gil Maranhão e GAJ
BANCADA DO NORDESTE - Paulo Câmara alerta para momento de crise do País, propõe ‘agenda de investimentos’ para o Nordeste e pede apoio do Parlamento

(Brasília-DF, 15/04/2015) Uma agenda de investimentos, com a utilização inclusive de linda de organismos internacionais, para alavancar o crescimento dos estados do Nordeste, ...
13/04 | 22:49h - Gil Maranhão, para Agência PR
Bancada do Nordeste - Governadores vão apresentar ao Congresso Nacional pauta política de interesse da região

( Publicada originalmente às 19h 44 do dia 13/04/2015) (Brasília-DF, 15/04/2015) Governadores dos nove estados do Nordeste se reúnem nesta quarta-fei...
26/03 | 20:46h - Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – Wilson Filho pede apoio do colegiado nordestino para projeto que cria a Zona Franca do Semiárido

(Brasília-DF, 26/03/2015) O Coordenador da Bancada Federal do Estado da Paraíba, Wilson Filho (SD-PB), defendeu nesta quinta-feira, 26, durante a primeira reunião da Bancada d...
26/03 | 19:59h - Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – Gonzaga Patriota sugere criação de sub-coordenadores estaduais e pede atenção para problemática agrícola em PE e BA

(Brasília-DF, 26/03/2015) O ex-coordenador da Bancada do Nordeste no Congresso Nacional, deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE) reforçou nesta quinta-feira, 26, durante a ...
26/03 | 18:39h - (Por Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – Parlamentares novos pedem mais tempo para escolha do novo líder dos nordestinos na Câmara

(Brasília-DF, 26/02/2015) Falando em nome dos novos deputados federais da região Nordeste, o deputado federal André Fufuca (PEN-MA), defendeu nesta quinta-feira, 26, na abertu...
» Áudio
ID:
Senha:

Apóiam essa idéia:
Bancada do Nordeste 2005 - Política Real - Todos os direitos reservados
Contato: redacao@bancadadonordeste.com.br